terça-feira, 20 de setembro de 2016

Colégio no Rio de Janeiro acaba com obrigação de uniforme escolar por gênero

Alunos poderão escolher se querem usar calças ou saias. Portaria com a decisão foi divulgada no site do colégio.

▼▼▼▼▼▼▼▼▼▼▼▼▼▼▼▼▼▼▼▼▼▼ 

Redes Sociais  

▲▲▲▲▲▲▲▲▲▲▲▲▲▲▲▲▲▲▲▲▲▲▲▲▲▲

 
O Colégio Pedro II aboliu a distinção do uniforme escolar por gênero. Ou seja, não há mais especificação do que é um uniforme feminino e masculino. A decisão foi divulgada na segunda-feira (19), pela Portaria nº 2449/2016, que trata de Normas e Procedimentos Discentes e, segundo a escola, tem por objetivo manter a identidade e igualdade entre os alunos.

Com isso, os alunos poderão escolher o uniforme que desejar. A flexibilização do uniforme atende aos parâmetros da Resolução nº 12 do Conselho Nacional de Combate à Discriminação e Promoção dos Direitos de Lésbicas, Gays, Travestis e Transexuais (CNCD/LGBT).

Nenhum comentário:

Postar um comentário